in

Crítica Kingdom- 2ª temporada: Uma sobrevida ao gênero de zumbis

Série sul- coreana da Netflix chega a sua segunda temporada e traz um novo olhar para o estilo de produções de zumbis que estava saturado

Quando falamos de séries de zumbis logo nos veem a cabeça The walking dead e sua já saturada fórmula, que apesar de continuar tendo boas audiências, convenhamos que continua apenas atraindo os seus fiéis fãs, já que a história e personagens já foram levados a tempos. Mas no ano passado, a Netflix deu um suspiro ao estilo trazendo uma produção sul-coreana de 6 episódios chamada Kingdom, onde o ataque de zumbis se dá agora nos anos do feudalismo asiático. Mas será que é boa mesmo?

A série comandada pelos diretores Kim Seong-hun e Park In-Je apresenta uma trama política de disputa pelo trono e pelo poder, misturada a tensão que ocorre quando um surto provoca a transformação de moradores das regiões em seres sedentos por carne e sangue.

Resultado de imagem para kingdom 2 temporada

A primeira temporada bem curta mas direto ao ponto foca nesse ar político bem interessante com a tentativa de passagem do poder ao mesmo tempo em que Lee Chang (Ju Ji-hoon) está sendo acusado de traição e é enviado para investigar uma misteriosa praga que está assolando o reino, transformando o povo em mortos-vivos. Mas, Chang é vítima de um golpe de estado que está sendo planejado pela rainha, que tem escondido que o Rei foi morto e transformado em um monstro. Para garantir que Chang não assuma o trono, a rainha precisa dar a luz um herdeiro para que assim não perca sua posição com a situação que anda ocorrendo, mas tudo dá errado e ela perde o filho, tendo que se submeter a uma gravidez falsa para seguir no poder.

A segunda temporada ganha bem mais em ritmo com relação a primeira, a trama principal é essa retomada de poder de Chang e sua luta contra aqueles que o julgam como traidor e a sub-trama da ascensão dos zumbis que na primeira temporada eram combatidos de uma determinada forma, mas que nesse segundo arco se tornam um desafio ainda maior para os povos e praticamente uma peste que não pode ser detida.

Resultado de imagem para kingdom 2 temporada

Os personagens coadjuvantes são muito bem explorados, cada um deles demonstrando uma característica única e uma importância para a história de cada um deles. Nenhuma ação é a toa e tudo isso vai se desenrolando com uma trama bem orquestrada misturando doses de terror com ação política.

O visual e design de produção tornam uma das mais grandiosas já vista em uma produção da Netflix. Kingdom chegou a sua segunda temporada se sustentando como aquela que pode dar um ar para o gênero de zumbis. Para que é fã do estilo e quer se surpreender, a série é uma ótima pedida para período em casa.

Nota: 9 de 10

Kingdom ( 킹덤, Coréia do Sul – 13 de março de 2020)

Censura: 16 anos

Direção: Kim Seong-hun, Park In-Je
Roteiro:  Kim Eun-hee (baseado em seu webcomic)
Elenco: Ju Ji-hoon, Ryu Seung-ryong, Bae Doona, Kim Seong Gyu, Kim Sang-ho, Heo Joon-ho, Jeon Seok-ho, Kim Hye-jun, Jung Suk Won
Duração: 269 min. por episódio (6 episódios no total)

Deixe uma resposta