in

Crítica Mortal Kombat- Ótima Adaptação, Brutal e Sanguinolenta

Adaptar um game para as telonas ou qualquer outra mídia, nunca é tarefa fácil. Vamos lembrar de vários exemplos ao longo do tempo e a grande maioria são aquelas decepções.

Na época mais recente, tivemos a franquia Resident Evil que teve grande sucesso, mas nunca foi unanime, o game que estava mais voltado para o terror, viraram filmes de ação genéricas. Além de incluir como personagem principal, Alice, que nunca esteve em nenhum game.

Chegamos então, aos longas de Mortal Kombat, mais precisamente o filme de 1995, que foi um dos primeiros do gênero.

Fez grande sucesso também, mas hoje em dia, os efeitos envelheceram mal, além de não ter o principal fator que fez a franquia de games ser um sucesso até hoje: a falta de violencia.

Então chegamos ao filme de 2021, Mortal Kombat, que está disponível no HBO Max a partir de hoje, e o que vemos é exatamente o que faltava: o sangue escorre.

O texto a seguir não contém spoilers sobre a trama principal do filme

Conheça o elenco do novo filme de Mortal Kombat

O longa bem aguardado para esse ano, é dirigido pelo estreante  Simon McQuoid, que consegue trazer a premissa básica da franquia: A Terra está sob nova ameaça, quando o feiticeiro Shang Tsung( Chin Han) convoca seus guerreiros para derrotar os escolhidos por Lord Rayden ( Tadanobu Asano), para assim vencer o décimo torneio conhecido como Mortal Kombat e assumir o controle da Terra.

Ao mesmo tempo, a verdadeira trama do filme é mostrar Cole Young ( Lewis Tan) que é ameaçado por Sub-Zero ( Joe Taslim) sem entender o real motivo em que o mesmo quer assassiná-lo.

Então, ele é resgatado por Sonya Blade ( Jessica McNamee) que lhe repassa tudo sobre o torneio conhecido como Mortal Kombat e que e possui a marca que o faz ser um dos escolhidos para proteger o nosso planeta.

Mortal Kombat 2021 Vale a Pena Assistir?

Teaser de Mortal Kombat 2021 mostra a luta de Goro Vs Cole – Geeks In Action- Sua fonte de recomendações e entretenimento!

O longa, para aqueles que não conhecem a mitologia sobre o game, é bem direto ao ponto ao explicar tudo, especialmente a parte onde os lutadores recebem seus poderes e suas habilidades especiais.

Outro grande ponto positivo são as excelentes cenas de luta, onde as mesmas possuem toda aquele arco que vai se desenvolvendo da forma mais sangrenta possível. A censura vai até o limite para acompanhar os tão aguardados e bem feitos Fatalitys.

Mortal Kombat' arrecada US$ 11 milhões em abertura internacional

O elenco está bem entrosado, com cada personagem sendo bem apresentado em tela. E as caracterizações para os fãs é a melhor possível, tanto nos figurinos ou no comportamento das personalidades de cada um deles.

E logicamente, a trama que vai se desenrolando pode não agradar a todos. Assim como foi dito acima, na parte referente a personagem Alice de Resident Evil que não existe em nenhum game.

Em Mortal Kombat temos o personagem Cole Young, que também não existe em nenhuma outra mídia. Mas a principal diferença ( não iremos contar em detalhes), é que ele sim tem parte na mitologia da franquia de games.

Mortal Kombat consegue ser o mais simples possível em uma adaptação de games, e por ser bem simples, erra em poucas partes e consegue ser bem fiel na característica dos personagens e no clima do longa. Sendo assim, até o momento a melhor adaptação de games para o cinema.

Nota: 8,0 de 10,0

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *