in

Crítica Power: Novo Filme de Ação da Netflix Surpreende

O elenco que tem nomes como Jamie Foxx e Joseph Gordon-Levitt traz uma premissa básica envolvendo poderes e diverte

Estréia dessa sexta feira ( 14), o novo filme de ação da Netflix ” Power” vem após a tentativa do streaming de se fortalecer com boas produções do gênero. Ou seja, após tentativas que não deram muito certo, como foram os casos de ” Troco em dobro”, ” The Old Guard” e ” Esquadrão 6″. Entretanto, será que dessa vez eles conseguiram?

Qual a trama de Power da Netflix?

Netflix em Agosto | Os filmes que recomendamos | Magazine.HD

A dupla de diretores  Ariel Schulman e Henry Joost, que já haviam mostrado seu potencial com o ótimo Nerve, com Emma Roberts e alguns filmes da franquia de terror Atividade Paranormal, trazem uma trama simples, onde em uma sociedade existe uma pílula( alegoria a drogas pesadas), que ao serem inseridas por certas pessoas, as mesmas podem ganhar alguma habilidade, tal habilidade pode ser muito útil( poder de escalar, super força) ou até mesmo algo bem ruim( seu corpo explodir, entre outras coisas).

Além de demonstrarem com poucos recursos( afinal, estamos falando de um filme lançado para streaming), o espectador sente como tal droga é perigosa e viciante para quem a consome, além dos riscos que elas trazem para todos.

Power da Netflix é bom? Vale a pena a conferida?

Watch Jamie Foxx And Joseph Gordon-Levitt In The Trailer For The ...

O elenco tem nomes muito bons como o ator Jamie Foxx( Django Livre) e Joseph Gordon-Levitt  ( Batman: O cavaleiro das trevas ressurge), que fazem a dupla de opostos que precisa se unir para enfrentar tal ameaça. Além deles, outra protagonista é fundamental e está muito bem, é o caso de  Dominique Fishback.

Cada personagem tem suas diferentes motivações para enfrentar e tentar deter tal droga, e tais motivações dão uma profundidade bem explorada pelo roteiro. Já que o filme foge do padrão a qual se pensava que ele poderia ir. Se engana quem pensa que mostra apenas diversas cenas de ação para agradar o público, como foi o caso de The Old Guard.

O lado dramático traduz bem o que todos os personagens sentem ao viverem em um mundo onde tal pílula surge e é utilizada por diversas pessoas. O vilão Rodrigo Santoro é aquele caricato, mas que não compromete em momento nenhum a veracidade da trama.

Por fim, Power surge como uma boa aposta da Netflix em não trazer aqueles roteiros saturados de exposição, tornando o espectador como burro, vai direto ao ponto e consegue entreter e fazer pensar na mesma medida.

Nota: 8,0 de 10,0

Ficha Técnica: Power (Original Netflix)  

  • Título Original: Project Power
  • Duração: 111 minutos
  • Ano produção: 2019
  • Estreia: 14 de agosto de 2020
  • Distribuidora: Netflix
  • Dirigido por: Henry Joost, Ariel Schulman
  • Classificação: 16 anos
  • Gênero: Ação, Ficção Científica
  • Países de Origem: EUA

Sinopse:

Em Power, a notícia de que uma nova pílula capaz de liberar superpotências para cada um que a experimentar começa a se espalhar nas ruas de Nova Orleans. Poderes como pele à prova de balas, super força e invisibilidade apareceram em usuários, porém, é impossível saber o vai realmente acontecer até tomá-la.

No entanto, tudo muda quando a pílula acaba aumentando o crime na cidade, fazendo com que o policial local se una a um traficante adolescente e um ex-soldado com sede de vingança para combater o poder com poder, chegando na origem da pílula.

Elenco:

Jamie Foxx, Joseph Gordon-Levitt, Dominique Fishback

 

 

Deixe uma resposta