Tem alguém na sua casa( Netflix- 2021)
in

Crítica Tem Alguém na Sua Casa – Terror ESQUECÍVEL e FRACO da Netflix

A Netflix segue com sua leva de filmes de terror aproveitando as proximidades do Halloween, depois de uma ótima trilogia de longas chamada de ” Rua do medo”, o streaming tenta novamente investir em uma nova produção, dessa vez ” Tem alguém na sua casa” é a bola da vez.

Qual a trama de Tem alguém na sua casa Netflix?

Trailer de “Tem Alguém na Sua Casa” revela o novo terror slasher da Netflix | LOUCOSPORFILMES.net

Adaptado de um livro escrito por Stephanie Perkins, o longa não tem nada de original, seja em sua premissa e em seu desenvolvimento.

Com a pegada do velho estilo( e ótimo quando é bem executado) de terror slasher adolescente, a trama acompanha um grupo de jovens amigos de uma cidade pequena, que se vem a tona com o surgimento de um serial killer que está caçando e matando alguns estudantes.

Tais estudantes tem em seu passado algo obscuro e cada um se torna o suspeito de todas essas mortes. Antes de matar suas vítimas, o assassino expõe a todos os segredos de cada assassinado.

Tem alguém na sua casa da Netflix Vale a pena?

Theres Someone Inside Your House Netflix Film

Desde o primeiro minuto de filme, toda aquela previsibilidade vem logo a mente de quem está assistindo. O clássico serial killer padrão, mas que dessa vez tem um destaque em seu visual que é um dos pontos fortes do filme: ele utiliza uma máscara da vítima antes de matá-la.

Portanto, enquanto está fugindo da morte com o assassino vindo em sua direção, você passa e enxergar o seu próprio rosto. Isso até seria bem interessante, mas imagina o trabalho que o serial killer tem em criar esse design.

Outro ponto bem interessante, é o que vemos em várias produções da Netflix, a violência e o gore são moto bem explorados e mostrados em tela.

Caso não existisse esse tanto de sangue jorrando, o filme ficaria ainda pior do que geralmente poderia ser, então a Netflix tem esse bom ponto positivo na maioria de seus projetos: o sangue vem com gosto sempre.

A protagonista Makani( Sydney Park) tem a trama ao seu redor, onde vive com a avó após sofrer um trauma em seu passado que é revelado ao final, mas que não é nada surpreendente.

O longa se arrasta durante suas 1 hora e meia com uma trama bem previsível, tediosa e sem grande originalidade a partir de então. Os personagens são bem vazios e completamente sem nenhuma química. O elenco que foi escalado também contribuiu para o espectador não ter empatia com nenhum deles.

O roteiro força a todo momento sobre quem seria o verdadeiro assassino, quando sabemos que em nenhum momento seria ele, mas sim outra pessoa, que ao se revelar tem uma motivação bem fraca e nula.

” Tem alguém na sua casa”  vira mais um drama adolescente em várias situações do que um longa de terror, ao qual estávamos esperando. Se torna fraco e bem esquecível, com um elenco completamente sem conexão

Nota: 3,5 de 10,0

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *