Crítica What If Episódio 2- Obrigado por Tudo Chadwick Boseman
in

Crítica What If Episódio 2- Obrigado por Tudo Chadwick Boseman

O segundo episódio da série animada do Disney plus, ” What If…?”, apresentou uma nova visão para a trama base do filme ” Guardiões da Galáxia” e que nos brindou com o último trabalho de Chadwick Boseman na Marvel.

O episódio anterior mostrou a visão para o que aconteceria se a Agente Carter tivesse virado a Capitã América daquela realidade. Em resumo, algumas coisas tiveram seu desfecho totalmente modificado, como foi o caso de Steve Rogers ter se tornado a primeira versão do Homem de Ferro e da própria Capitã ter sido levada ao invés dele, para os tempos atuais, onde encontra Nick Fury e Gavião Arqueiro.

Nesse episódio, vemos a realidade ser alterada em várias situações, o que torna o episódio bem divertido pelo inesperado e consequentemente, por brincar de uma forma bem mais maluca com os acontecimentos do multiverso.

O texto a seguir contém spoilers sobre o episódio 2 de “What if…?”, então leia por sua conta em risco:

Marvel | Kevin Feige revela como a atuação de Chadwick Boseman em What If...?  influenciaria a sequência de Pantera Negra - Otageek

Como o próprio Vigia nos alerta a cada novo episódio, apenas uma alteração por menor que ela possa ser, irá desencadear em uma nova linha temporal. Basta apenas, você estar no local errado e na hora errada, para que tudo mude e tudo que conhecemos, não exista mais.

Foi o que aconteceu em Wakanda em 1988, quando o jovem  T’Challa decidiu atravessar o escudo mágico do seu reino e acabar sendo levado pela nave dos saqueadores de Yondu ao invés de Peter Quill.

Apenas essa pequena mudança, por menor que ela possa aparentar, modificou o universo Marvel de uma forma que não fazíamos ideia do que iria acontecer.

Quando  T’Challa se juntou aos saqueadores, diversos fatores foram alterados: o mais chocante deles quando assistimos o episódio, foi o que aconteceu com Thanos. Na realidade em que conhecemos dos filmes, Thanos foi o grande inimigo do MCU, mas aqui nessa nova realidade, ele foi convencido pelo novo Star Lord de que eliminar metade da vida do universo não era a melhor maneira. A influencia dele é tão grande nesse mundo, que uma simples conversa resolveu tudo.

What If...?: produtores falam do último trabalho de Chadwick Boseman

Aliás, o inesperado é um dos grandes pontos desse episódio, já que passamos a ver diversos fatos já ocorridos nos filmes inteiramente alterados. Como o grande vilão dessa realidade é ” O colecionador” que tem ao seu lado a tropa de Thanos que já estávamos acostumados a ver nos filmes e que causaram grandes problemas aos heróis.

O primeiro efeito borboleta que vemos no episódio é que, ao contrário de Peter Quill, o nome Star-Lord é respeitado em toda a galáxia. Quando você está na presença do mesmo, ele é tratado como uma divindade. E logo é visto como o ” Robin Hood”.

A vontade de um homem em mudar tudo, apenas pelas suas ações sem se restringir para o combate apenas, mostra o quanto  T’Challa em todas as realidades ao qual pertence, é um personagem grandioso, assim como quem o interpreta, Chadwick Boseman, que fez o seu último trabalho para a Marvel ao dublar o mesmo.

Certamente, uma bela homenagem final ao herói, que se tornou um verdadeiro ícone para todos nós. Assim como Chadwick ele mudou o mundo e vida de várias pessoas, com suas palavras e ações que realizava. Certamente, fará muita falta ao MCU e para a vida.

O segundo episódio de “What If…?” já está disponível no Disney Plus

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *