monster hunter o filme
in ,

Crítica: Monster Hunter, Simples História com Emoção pouco Explorada

Com certeza um dos principais motivos para estarmos animados em ver o filme Monster Hunter é pelo fato de Milla Jovovich ser protagonista. Mas somente isso?

Para quem não sabe, Monster Hunter é um filme baseado na história do jogo com o mesmo nome. E para isso, vamos explicar rapidamente sobre a história do jogo.

Sobre o jogo Monster Hunter

Um jogo com mais de 10 anos que chegou pela primeira vez no console Playstation 2 e teve seu sucesso garantido na época.

Além disso, imagine poder lutar com monstros grandiosos, em batalhas épicas que hoje podem ser jogadas com seus amigos online. Portanto, isso é uma ideia grandiosa para construção de um filme e melhor ainda, unir o público gamer com quem ainda não conhece o jogo.

imagem do jogo monster hunter
Imagem do jogo Monster Hunter

O game é produzido pela famosa Capcom que entrega jogos de grandes nomes como Street Fighter, Megaman e Resident Evil.

Opa, e nesse último jogo você já deve saber que a Milla Jovovich também foi protagonista da franquia de filmes que não agradou nada os jogadores.

Monster Hunter Filme

Após Resident Evil, agora o diretor Paul W. S. Anderson foi escolhido para dirigir mais um filme baseado em jogos. E parece que novamente a escolha poderia ter sido outra, uma vez que a história em alguns momentos parece ser muito simples para algo que poderia ser grandioso.

No entanto, nem tudo é ruim. Os monstros são muito legais e todos os efeitos especiais envolvendo a trama inteira são realmente bem produzidos.

A história é bem simples, basicamente a Milla interpreta a tenente Artemis em uma missão pelo deserto dos Estados Unidos. Porém, alguns acontecimentos inexplicáveis começam a fazer com que a tropa se perca em uma tempestade de areia e raios.

Isso faz com que eles atravessem um portal para outra dimensão que é um mundo completamente diferente do que estamos vivendo. No entanto, isso poderia ser explicado um pouco melhor, ou até mesmo nem precisar dessa ideia de portais, já que isso é irrelevante para história (se formos pensar no jogo) e praticamente ocorre bem rápido.

monster hunter filme

Algo que é muito ruim para essa trama foi a ideia de uma briga entre a tenente Artemis e um desconhecido que vive ali.

É uma briga desnecessária pois ela acontece em um primeiro momento explorando a ideia do desconhecido, porém também no segundo momento.

Porém, como falei, os monstros e a ideia de imersão no universo conseguem envolver bem o espectador e essas coisas relevamos.

Sem contar que, outros personagens que já são conhecidos no jogo apareceram, e isso foi genial, porém foram participações pontuais e praticamente no final do filme.

O filme Monster Hunter é bom?

Por fim, é um filme BOM! Claro que podiam ter sido explorados mais sobre a história dos reinos e até mesmo outros cenários.

Portanto, vale a pena o filme pela grandiosidade dos monstros e da ação que vemos durante a trama.

Além disso, podemos estar diante de uma nova franquia no universo grandioso de monstros gigantes.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *