in

A ORIGEM DO AJAX COMO O MARCIANO CHEGOU A TERRA?

VAMOS CONHECER UM POUCO SOBRE O PERSONAGEM AJAX CONHECIDO COMO O MARCIANO

Ajax, também conhecido como J’ONN J’ONZZ ou O Marciano, chegou de marte sendo o último membro de sua raça. A espécie dele era muito evoluída. Eram artistas, filósofos e guerreiros que viviam em paz e harmonia.

No entanto, o irmão de J’ONN, MA’ALEFA’AK, cria um vírus para destruir a raça dos marcianos verdes.

Antes que morresse como o resto de seu povo ele foi contactado por um cientista da Terra.

COMO O MARCIANO CHEGOU A TERRA?

Saul Erdel havia criado uma máquina com a qual tentava entrar em contato com formas alienígenas. No dia que a máquina finalmente funcionou, ela trouxe Ajax com seu filho morto nos braços.

No primeiro contato entre os dois eles conversaram telepaticamente. O cientista disse que poderia enviar O Marciano de volta para seu planeta. No entanto, sabendo que era o último de sua espécie ele resolveu ficar na Terra e começar uma nova vida aqui.

Portanto, Marciano quis tornar a Terra o seu lar e aprendeu nosso idioma e costumes através da televisão. Além disso, viu casos de polícia e decidiu lutar pela justiça e tornou-se detetive.

QUAIS SÃO OS PODERES DO AJAX?

O Marciano passou a frequentar a faculdade e aos poucos foi formando sua nova vida no planeta Terra.

Além disso, ele é um dos membros fundadores da Liga da Justiça e permaneceu no Grupo por décadas. Ele considera a equipe como sua família e se sente confiante em lutar pela justiça sendo parte do grupo. Apesar de ser um líder incrível, prefere deixar a liderança para o super-homem.

O Marciano é sempre lembrado pela sua capacidade de mudar de aparência, mas os seus poderes vão muito além disso, ele possui:

  • Super-força
  • Super-velocidade
  • Invulnerabilidade
  • Raios óticos de energia
  • Explosão Psiônica
  • Visão de RAIO-X
  • Alta Longevidade
  • Invisibilidade
  • Super-Regeneração
  • Super-Intelecto

Nerdoloucos

Você conhece mais alguma curiosidade sobre O Marciano? Deixe nos comentários abaixo.

Deixe uma resposta